20.10.10

Gonçalo Amaral já pode falar em público sobre o caso Maddie e continuar a vender o livro "A verdade da Mentira



O Tribunal da Relação acaba de revogar a providência cautelar interposta pelo casal McCann, que ía no sentido de calar o ex-coordenador da Polícia Judiciária. Há um ano que Amaral estava proíbido de vender livros e vídeos sobre o caso, de executar novas edições e de dar entrevistas sobre o desaparecimento da menina inglesa.

Sem comentários: